[Opinião] “Alma trocada” de Rosa Lobato de Faria

18214136Este é o terceiro livro desta autora que leio em 2015, isto porque desde que li A trança de Inês que não consigo resistir a qualquer livro de Rosa Lobato de Faria que me passe pela frente. Este era, provavelmente, dos três livros dela que tenho cá em casa aquele que despertava mais a minha curiosidade, talvez por ser “vendido” como um romance homossexual (no masculino), o que não é muito comum.

Acontece que a homossexualidade, apesar de algo evidente neste livro, não me pareceu, na minha modesta opinião, o ponto que merecia ser mais destacado na sinopse deste livro, até porque, por vezes, me esqueci mesmo que o Téo, personagem principal, era gay (só me centrei nisso mesmo no início do livro, quando Téo ainda está de casamento marcado com uma rapariga com a qual não tem a mínima ligação). Trata-se de uma história de descoberta do eu, independentemente da sexualidade, uma história sobre relações familiares e de amizade, ciúme, inveja, angústia e desejo. Quantas e quantas vezes nos perguntamos “quem sou eu?” e não pensamos que a nossa alma só pode ter sido trocada?

Ainda assim, a minha personagem favorita nem foi o Téo na sua descoberta sobre o amor, mas sim a sua avó Jacinta, que o conhece tão bem sem serem precisas palavras. E a própria descrição da quinta da avó Jacinta aviva qualquer memória olfativa. Isto para não falar de outras personagens alentejanas que são assim uma delícia, bem ao estilo que Rosa Lobato de Faria habituou os seus leitores.

Além disso, este livro transmite uma ideia que eu defendo desde sempre: a família nem sempre é aquela com quem temos laços de sangue, mas sim aquela com quem escolhemos ter laços afectivos, bem mais fortes e duradouros.

Apesar de não ser brilhante, este é um livro leve, quase uma lufada de ar fresco. Palmas para a autora, que escrevia tão bem que lê-la nunca é uma maçada!

Anúncios

2 thoughts on “[Opinião] “Alma trocada” de Rosa Lobato de Faria

  1. É uma das minhas autoras favoritas. Como já disse uma vez, tens que ler “O pranto de Lúcifer”. Para mim é o favorito da escritora. Com um final… Sem palavras!

    • Comprei ontem o “Os três casamentos de Camilla S.”, que também me tinham sugerido. Quando encontrar esse também vou comprar 🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s